sexta-feira, 14 de agosto de 2015

O primeiro emprego

Ao que parece consegui o meu primeiro emprego mais a sério. Daqueles em que se desconta para a segurança social e tudo. É a boa notícia.
A má é que é para um cal center (parece que não contratam para outros empregos em Portugal). A boa, outra vez, é que quando os trabalhadores sexuais também começarem a descontar para a segurança social já me posso candidatar para um serviço de sexphone com experiência relevante na área. 

7 comentários:

  1. parabens pelo novo emprego... agora que contribui para a seguridade social se tornou um verdadeiro cidadão, e sócio do estado!

    ResponderEliminar
  2. Pensa que é apenas o arranque. Hás de arranjar melhor, vais ver!

    ResponderEliminar
  3. Boa sorte! :) Atenção que os call center's não são nenhum mar de rosas... Mas é o começo! :)

    ResponderEliminar
  4. Estou como tu, Ricardo. de repente, parece que o principal emprego em Portugal são os call centres.
    Mas o que é preciso é começar e mostrar às próximas ofertas que não tens medo de agarrar o trabalho.

    Quanto ao trabalho na área do sexo, mais vale na linha da frente, sempre deve dar mais.

    ResponderEliminar