quinta-feira, 28 de novembro de 2013

O Fado

As vezes adoro o meu blog. Tenho saudades do ser o que era, mas não me arrependo nada de ser o que sou agora. Fico feliz por o ter sido e por este blog estar aqui para me recordar. Talvez ainda possa ser uma versão melhorada do que fui. O que eu virei a ser. Acho que o estou a voltar a ser.


É engraçado, quando ouvi este fado pela primeira vez fiz uma crítica, disse que achava a música demasiado alegre para esta letra. Não é, percebo agora o porquê de ser assim, encaixou-se perfeitamente neste meu momento.

18 comentários:

  1. Do passado preserva apenas as boas memórias e as lições, vive o presente e não imagines muito o futuro, deixa-o acontecer naturalmente. Acho que serão esses os segredos para vivermos uma vida em pleno - embora admita que nem sempre é fácil de o fazermos/vivermos assim. ^^"

    Gostei muito deste momento de fado para encerrar a minha ronda pelos blogs por agora. Muito bom! ^^

    Abraço grande e obrigado :3

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo contigo, mas há uma coisa que discordo. O ser humano vive olhando o futuro, a sua potência e as suas possibilidades e ficamos tristes ou contentes consoante nos parece o futuro.

      Ora essa :D obrigado eu e um abraço ^^

      Eliminar
  2. Então foi sobre isto que falámos hoje! :-)
    Gosto muito muito.

    :-D

    ResponderEliminar
  3. O meu ex namorado é fadista xP hahahaha OMG HAHAHAHAH O que eu passava no banho com ele a cantar

    ResponderEliminar
  4. O teu blog é lindo como tu, só podia :) e está quase a fazer quatro anos...

    Um dia destes, temos que mudar o nº do euromilhões lolol XD
    Abraço Ricardo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oh, obrigado Arrakis. Quase? É só em Fevereiro não é?

      É verdade, que este não nos está a dar nada xD

      Abraço Arrakis

      Eliminar
  5. também gosto disto no meu blog, ler posts de 7, 8 anos atrás e ver como eu amadureci e estou mais sábio em vários aspectos... e tb ver que eu não era um completo parvo anos atrás! rsrsrs
    obrigado por me lembrar desta sensação! abraços!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :D
      Ora essa, espero que tenha sido tão bom para ti quanto foi para mim hahahaha

      Abraço ^^

      Eliminar
  6. A D O R E I
    (sabes que és gay quando dramatizas as palavras escrevendo letra a letra :-P )

    Adorei mesmo! Vou postar isto no meu facebook...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. HAhahahahaha estiveste tão bem xD

      Estou mesmo a ver que adoraste ^^

      Eliminar
    2. estou a ouvir em repeat desde ontem...gostei tanto assim! Faz tantoooooooo sentido! Que funciona como uma espécie de mentalização:-)

      Eliminar
    3. A Carminho, ou quem escreveu a música, agradece :D
      Enjoy

      Eliminar
  7. É tão bom quando mudamos, e voltamos a ler as páginas antigas e vemos o quanto crescemos. Faz-me acreditar que de facto não somos imutáveis, e que teoria da evolução de Darwin está presente na nosso próprio crescimento. :D

    ResponderEliminar