terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

Um tiro de misericórdia?


Como me tenho vindo a aperceber, desde a algum tempo para cá, existem pensamentos que não posso (ainda) partilhar com ninguém. E porquê? Porque sou um adolescente gay (*god* odeio escrever isto, porque não acho que isto defina, de todo, as pessoas), anyway, e ontem, por exemplo, fui às compras à cidade mais perto da minha residência, e eu gosto de compras, (a minha face mais bicha? Talvez) com uma amiga minha que não sabe que eu sou gay. Aliás ninguém sabe apesar de uma outra amiga andar desconfiada pelo menos eu desconfio disso (?), mas fica para outro post se estiverem interessados em saber, claro. Mas estou  a dispersar-me... Ontem fui às compras e existiram 2 trocas de olhar  (:O) curtas porque eu burro desviei o olhar. Mas já tomei uma decisão e não o vou fazer mais. A 1ª com um homem, 20 e tal anos (sou péssimo para dar idades) que tinha olhos azuis e cabelo comprido, não muito, pelos ombros, ondulado, e eu pensei:- Quero um daqueles para mim, para depois da universidade e viver junto. (mas não pude partilhar este pensamento). O 2º momento ocorreu na gare com um rapaz que deve andar no 10º ano, mais novo que eu, que passou com uma amiga e era giro, tipo emo mas não dos deprimidos e olhou directamente para mim e eu mais uma vez desviei o olhar (mas alguém me dá um tiro de misericórdia?). E o meu gaydar deu alerta nas duas situações... Eu tenho um problema não sei se o meu gaydar funciona... Porque acho que ele dá sinal quando eu quero e nunca tive uma confirmação por parte da outra pessoa para saber se era gay ou não - visto que não conheço ninguém que seja gay, ou que pelo menos me tenha assumido isso. Existiu um 3º momento, foi já no bus mas esse era hetero de certeza (estúpido) porque desviou logo o olhar e transmitia heterossexualidade (isto faz sentido??). Portanto por todos estes acontecimentos que vim a remoer todo o caminho de bus resolvi criar um blog para poder partilhar esta minha face e porque venho seguindo alguns dos vossos blogs , apeteceu-me, sobretudo por isso, e quero "entrar em contacto" com pessoas que me compreendam. Faço bem? Acho que sim. Mas eu já me conheço e só vou ligar a isto quando estiver deprimido. Portanto para me darem alento deixem comments ou e-maill me, para saber se gostaram e se devo continuar ou se me devo é calar de vez.

5 comentários:

  1. Acredita, um blog é uma excelente forma de aprenderes muito sobre ti e melhor do que isso: estás 'orientado' por todos nós que cá andamos.

    Fizeste-me lembrar de mim há muitos anos atrás nessa cena de desviar o olhar, talvez com medo de perceberem que és gay. Não o faças mais! Levanta a cabeça e olha nos olhos de todas as pessoas. Male ou Female.

    Quanto ao termo 'gay' também odeio. Acho muito pejorativo. Demasiado. Somos pessoas normais que gostam de pessoas normais, just that.

    CONTINUA A ESCREVER! Quanto mais escreveres, mais irão te ler. Abraço

    ResponderEliminar
  2. "*god* odeio escrever isto porque não acho que isto defina, de todo as pessoas" - E não define, de todo! É como tu seres bom a artes... É apenas uma característica.

    Anyway, acho que vai ser um blog interessante e acho que vais aprender bastante por estes lados

    Go boy ;)

    ResponderEliminar
  3. Emerging
    Muito obrigado pelo apoio e espero mais orientações pois tenho a certeza que vao ser necessarias...
    Quanto ao desviar o olhar ja tinha decidido que não o vou fazer e vou cumprir
    e sim vou continuar com o blog.

    Crazyguy
    Sou péssimo a artes não sei desenhar nem um circulo --'

    Espero que sim que seja um blog interessante

    thanks

    ResponderEliminar
  4. A última coisa que deves fazer na vida é calares-te =p portanto força, se ter um blog e depositar aqui pensamentos teus te ajuda a sentires-te melhor e a conheceres-te isso é que interessa =)
    Abr

    ResponderEliminar
  5. Miguel
    Obrigado, e não nao me vou calar :)
    Sim se não nem tinha feito o blog...
    abr

    ResponderEliminar